15/08/2018

Categoria aprova proposta do TST e mantém estado de greve

 

 

Reunidos em assembleia, na noite desta terça-feira (14), os trabalhadores dos Correios em Alagoas aprovaram a proposta do TST mantendo todas as cláusulas do atual acordo coletivo de trabalho mais a reposição da inflação do período estimada em 3,68% sobre remuneração salarial e benefícios.


Os trabalhadores aprovaram também Moção de Repúdio ao presidente da ECT, Carlos Fortner e ao vice-presidente de Gestão de Pessoas, Heli Siqueira, pela postura vergonhosa durante as negociações salariais e a clara interferência na atuação sindical da categoria.


Na assembleia também foi aprovado que a Fentect ingresse imediatamente com um Procedimento de Mediação Pré-Processual referente a abusividade no custeio do plano de saúde, além da permanência de pai e mãe na assistência médica. Com isso, o Estado de Greve está mantido para que a categoria permaneça de prontidão para reivindicar uma negociação sobre o custeio pago à Postal Saúde e contra o sucateamento e privatização dos Correios.


O Sintect-AL parabeniza e agradece cada trabalhador e trabalhadora que durante toda a Campanha Salarial jamais fugiu da luta e com muita união e consciência de classe defendeu com garra e confiança os direitos dos ecetistas, além de um correio público e de qualidade para todos. A luta continua!!!

Fonte:

Comentários

Comente esta notícia:
Nome:  
Comentário:    
Compartilhe esta notícia:
Seu Nome:
Nome Destinatário:
Email Destinatário:
Informe o número que aparece na imagem ao lado  
Rua Ceará, 206 Prado
57010-350
Maceió - Alagoas