25/10/2018

Um dia para entrar na História

 

 

Companheiros e companheiras de diversos setores de trabalho nos Correios de Alagoas participaram nesta quinta-feira (25) dos protestos contra o sucateamento, a sobrecarga e as péssimas condições de trabalho na ECT. As manifestações ocorreram durante todo o dia em frente a Agência Central da empresa em Maceió e em vários municípios alagoanos.


Em meio aos discursos pedindo a recuperação do serviço postal e maior valorização dos trabalhadores, a insatisfação quanto a distribuição domiciliária alternada era grande. Com grande acúmulo de correspondências, distritos estourados, cartas e encomendas atrasadas denunciam o fracasso deste modelo de distribuição no estado.


A paralisação surtiu efeito já que representantes da estatal, diretamente de Brasília, se comprometeram em se reunir em Maceió com as lideranças sindicais para discutir os problemas postais em Alagoas e buscar um entendimento para que eles sejam resolvidos.


No geral, a paralisação foi um sucesso. Com grande cobertura da imprensa, apoio da sociedade e demonstração de força dos ecetistas na defesa do serviço postal público e de qualidade, os heróis presentes deram um exemplo de união e cidadania as vésperas da população decidir o futuro do País e dos Correios pelos próximos anos.


O Sintect-AL agradece a todo(a)s e parabeniza cada trabalhador e cada trabalhadora que, nesta quinta-feira, esteve na luta por uma empresa e uma vida melhor.

Fonte:

Comentários

Comente esta notícia:
Nome:  
Comentário:    
Compartilhe esta notícia:
Seu Nome:
Nome Destinatário:
Email Destinatário:
Informe o número que aparece na imagem ao lado  
Rua Ceará, 206 Prado
57010-350
Maceió - Alagoas