17/09/2019

Categoria suspende greve e aguarda julgamento do dissídio coletivo no TST

 

Em assembleia realizada na tarde desta terça-feira (17), os companheiros e companheiras que estavam na luta desde a última quarta-feira (11), após orientação da Fentect, decidiram suspender a greve decretada nacionalmente e aguardar o julgamento do dissídio coletivo pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), no próximo dia 02 de outubro.

 

Até lá, os ecetistas continuarão insistindo na manutenção do atual acordo coletivo de trabalho, além da reposição salarial, considerando os percentuais constantes na Pauta Nacional de Reivindicação da categoria.

 

Segundo Alysson Guerreiro e Altanes Holanda, presidente e secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Correios e Telégrafos em Alagoas (Sintect-AL), embora tenha sido definido o retorno ao trabalho, o estado de greve continua até o julgamento no TST.

 

Na manhã desta terça-feira (17), a categoria fez uma passeata pelo Centro de Maceió para protestar contra a intenção dos Correios em retirar direitos e contra a privatização da estatal. Com faixas e carro de som, os ecetistas interagiram com a população pedindo também apoio contra a precarização dos serviços postais em Alagoas.

 

O Sintect-AL agradece a cada ecetista pela coragem e pela luta ao longo desse dias e conta com a solidariedade de classe para juntos continuarmos enfrentando as mazelas da ECT e do governo federal. Após a conclusão desta Campanha Salarial uma luta muito maior continuará sendo travada contra a privatização dos Correios.

 

Fonte:

Comentários

Comente esta notícia:
Nome:  
Comentário:    
Compartilhe esta notícia:
Seu Nome:
Nome Destinatário:
Email Destinatário:
Informe o número que aparece na imagem ao lado  
Rua Ceará, 206 Prado
57010-350
Maceió - Alagoas