22/10/2019

Clientes reclamam de calor na agência central dos Correios em Maceió

Fachada Agência Central/Arquivo Sintect-AL

 

 

É lamentável o tratamento dado pela gestão dos Correios aos clientes na agência central de Maceió. Com o sistema de ar condicionado quebrado, o calor está insuportável na principal agência postal de Alagoas e os clientes que corajosamente resolvem esperar o atendimento, reclamam muito da alta temperatura no local.


Infelizmente parece que o problema tem feito a agência perder receita já que alguns vão embora dizendo que não voltam mais ao local devido ao descaso dos responsáveis pelos Correios. “Sempre postei minhas encomendas aqui nesse correio. Lembro que antes o lugar era bem acolhedor, andávamos o centro inteiro e quando chegava aqui era um alívio porque quando entrava no correio era minha salvação. Hoje tá essa desgraça! O calor tá pior que o da rua meio dia em ponto. Não sei se volto mais não!”. Declarou José Herculano, morador do Vergel.


O Sintect-AL constatou que a Superintendência da ECT vem fazendo pouco caso do problema já que em um mês somente um orçamento foi feito para iniciar o serviço de manutenção do sistema de refrigeração.

 

Para que o processo deixe de se arrastar a “passos de tartaruga aleijada”, alguém tem que criar coragem e correr atrás de mais dois levantamentos de preço para que a situação comece a ser normalizada.


Lamentavelmente esses descasos acabam irritando o cliente que vai embora pedindo a privatização dos Correios graças a falta de iniciativa de alguns gestores que "jogam contra" e só fazem contribuir para o afundamento da ECT.

 

Trabalhadores e clientes da agência central de Maceió pedem socorro!

Fonte:

Comentários

  • 05/11/2019 16:48:10 João e Maria

    Infelizmente, esse Superintendente além d ser incompetente, é burro p caralho!

Comente esta notícia:
Nome:  
Comentário:    
Compartilhe esta notícia:
Seu Nome:
Nome Destinatário:
Email Destinatário:
Informe o número que aparece na imagem ao lado  
Rua Ceará, 206 Prado
57010-350
Maceió - Alagoas