28/09/2020

Superintendente reforça segurança e se isola em gabinete

Interfone da vergonha limita acesso de trabalhadores ao gabinete da Superintendência

 

 

Há algo de podre nos Correios de Alagoas. Misteriosamente o superintendente estadual, Edmilson Bezerra, resolveu por conta própria instalar dois dispositivos de segurança para chamar de seu.

 

Temendo sabe-se lá o quê e sem qualquer explicação racional, o inoperante superintendente permitiu a instalação de dois medíocres e desnecessários interfones para impedir o acesso das pessoas ao gabinete da Superintendênica Estadual.

 

Os ridículos aparelhos (pobre dos interfones) estão instalados nas proximidades da galeria de ex-diretores regionais. Ou seja, para chegar até o gabinete é preciso interfonar em dois equipamentos e implorar para se aproximar do maior responsável pelo desastre da administração postal em Alagoas.

 

A iniciativa, mais do que medíocre, aponta para o personalismo e a vaidade desnecessária de um superintendente que deveria estar mais preocupado com a falta de segurança nas agências assaltadas do que com a já segura sede administrativa, detentora, inclusive de vigilância armada 24 horas. Carteiros e atendentes são os reais merecedores das medidas de segurança que nunca chegaram, pois estes trabalham, dão o sangue pela empresa. Estes, na hora do assalto, não têm para quem interfonar e pedir socorro.

 

As medidas estranhas fazem parte de uma administração ridícula e ineficiente que não prima pelo bom senso e privilegia surtos de incompetência e vaidade. De todo modo, estará o superintendente tendo alucinações de inimigos imaginários que poderiam abordá-lo em visitas surpresas? O que tem a temer?

 

Por fim, cada incompetente com sua mania. Enquanto o chefão em Brasília elegeu um elevador exclusivo para chamar de seu, o de Alagoas escolheu dois míseros interfones para se isolar de suas próprias frustações. Dentre tantas, aflora a de superintendente mais incompetente do Brasil.

 

Quando menos se espera, damos de cara com manias que nem Freud explica. É mole?!

Fonte:

Comentários

Comente esta notícia:
Nome:  
Comentário:    
Compartilhe esta notícia:
Seu Nome:
Nome Destinatário:
Email Destinatário:
Informe o número que aparece na imagem ao lado  
Rua Ceará, 206 Prado
57010-350
Maceió - Alagoas